Jump to content
Sign in to follow this  
philos

Tarrachas Graf

Recommended Posts

Rafael, vou lhe enviar a tabela por MP (Esqueci de enviar a alguém?)

Tome cuidado com tarraxas de cavaco pois algumas tem medida maior de espaçamento, fora do padrão, e pode lhe dar dor-de-cabeça quando for trocá-las. Fuja de Deval e Cia.

O Oscar da strings costumava vender umas Schaller adaptadas (com espaçamento padrão de violão, 35mm), mas era um modelo barato, pior que a HG1("hauser") que já não é grande coisa. Sugiro pinos de metal, pois de plástico não resiste às cordas de aço. Acho que a melhor opção são tarraxas de guitarra mesmo, pois além de superiores às "de cavaco", são fáceis de achar, inclusive avulsas, e permitem maior liberdade no desenho da cabeça, que pode inclusive ser bem pequena.

Alvaro, considero sua tarracha especial, pois muita gente gosta da base lisa e não sabe que as Graf podem ter essa estética. Lembrando que além do acabamento semi-fosco, é possível o brilhante também (particularmente acho o semi fosco mais bonito, pois dá um ar de "objeto mecânico de alta precisão" que acho mais peculiar do que a aparência de "jóia", mais comum). Obrigado pelo depoimento. Se puder poste umas fotos pra gente ver as tarraxas e o violão.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Alvaro, considero sua tarracha especial, pois muita gente gosta da base lisa e não sabe que as Graf podem ter essa estética. Lembrando que além do acabamento semi-fosco, é possível o brilhante também (particularmente acho o semi fosco mais bonito, pois dá um ar de "objeto mecânico de alta precisão" que acho mais peculiar do que a aparência de "jóia", mais comum).

E aí Felipe, beleza? com base nisso, o que acha das Gilbert? eu acho que é o extremo do que você falou, objeto mecânico de altíssima precisão, só perdendo pra algum paquímetro mais moderno que exista ( kkk). porém, nunca vi e dificilmente verei, ou experimentarei uma dessas, e pode ser que essa impressão seja falsa. mesmo assim as acho legais, apesar de que com o preço de uma compra-se duas Graf. Dá sua opinião aí, especialista...

um abração

Share this post


Link to post
Share on other sites

Paulo, não esqueci docê não! e que o micro está uma bagunça (tenho que reestabelecer um backup de mensagens, por exemplo) e eu ando sem tempo. Essa semana te envio as informações que prometi. :thumbsup:

Osmar, me envie uma MP com seu email, por favor. Fica mais "portátil" que anexar por aqui.

Bierbach, que eu saiba as Gilbert não custam tanto quanto uma Graf (lá fora). Aqui deve sair a mesma coisa. Particularmente acho MUITO feias. Só experimentei uma vez. São macias como as Graf, mas não parecem tão robustas (há peças estruturais que não são de metal, por exemplo).

Sem querer puxar a brasa para minha sardinha, concorrente para as Graf só as Rodgers mesmo, e são muito mais caras. As Robson tem tido reclamação de duras, e me parecem um projeto mais simplório no geral. As Alessi são pesadas, e um pouquinho menos macias, e não são mais baratas. As Reischl são duras e obsoletas. E por aí vai.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bierbach, que eu saiba as Gilbert não custam tanto quanto uma Graf (lá fora). Aqui deve sair a mesma coisa. Particularmente acho MUITO feias. Só experimentei uma vez. São macias como as Graf, mas não parecem tão robustas (há peças estruturais que não são de metal, por exemplo).

Sem querer puxar a brasa para minha sardinha, concorrente para as Graf só as Rodgers mesmo, e são muito mais caras.

Philos, professor :worshippy: , valeu pela explicação.

bom fim de semana

um abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

fala Felipe,vc poderia me mandar a tabela de tarraxas para violão de 8 cordas!Abraço.Já mandei um e-mail pra vc!

Olá,

como muitos sabem represento essas tarrachas no Brasil. Estão entre as melhores do mundo, com maciez inigualável e mecânica robusta. A garantia é "vitalícia" pelo tempo que o Jorg Graf (ou futuro substituto) estiver na ativa.

http://www.graftuners.com

Esse é o modelo "padrão", o mais vendido:

torresfishscale.jpg

Essa é a segunda mais vendida, o modelo "de linha" mais caro:

landstorfer.jpg

Há inúmeros opcionais estéticos, que vão do formato "kidney" de botões (vide foto acima), "ball pips" nos eixos (idem), banhos de prata, ouro, ou platina, e até desenhos esculpidos em prata e ouro maciço, por artistas (desenhos padrão ou um que você deseje).

Exemplos:

Um dos modelos "custom", banhada a ouro, com motivos esculpidos à mão em prata, e botõesm em madrepérola escura:

landstorferrococo.jpg

Duas que entreguei recentemente:

"Celtic Wave", nível de acabamento 4, com "ball pips e botões em ébano":

aaavw7.jpg

Visão da parte de trás, com os rollers pretos (sem custo extra), e os rolamentos (padrão em todos os modelos):

cw4bp2ma2.jpg

Landstorfer ("hauser") nível de acabamento 5, com "ball pips" e botões em snakewood no formato "kidney":

23023207gw5.jpg

Todos os modelos são idênticos mecanicamente. Os níveis de acabamento referem-se à quantidade de peças que são polidas, e variam de 2 a 5. O nível 2 já fica bonito, mas sóbrio, e o 5 faz a tarrcha parecer uma jóia.

Os clientes ficam invariavelmente impressionados com a precisão e maciez, e além da estética e valorização do instrumento, costumam relatar uma melhora na produtividade por diminuir o tempo gasto afinando. Para profissionais a precisão e confiabilidade é algo que adoram.

Quem quiser uma tabela completa, com o custo dos principais modelos e opções (inclusive para 7 e 8 cordas) é só contactar-me.

As tarrachas demoram de 2 a 3 meses entre a encomenda e a chegada no Brasil.

O pouco lucro que ponho nessas tarrachas não compensa o tempo gasto administrando as vendas e os consequentes envios, recebimentos, e transferências. O objetivo maior é difundir a cultura das tarrachas de alta qualidade e manter uma parceria que permite oferecê-las quase ao mesmo preço que são vendidas no exterior (numa importação individual custariam 60% mais...). A idéia é que daqui a um tempo os violões dos principais luthiers brasileiros venham ao menos com uma Sloane ou Gotoh premium por padrão, e handmades (como Graf, Alessi, Blake Robinson, etc.), como opção (como é no 1° mundo). Alguns já trabalham assim nos modelos top de linha.

Abração a todos

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...