Jump to content
Sign in to follow this  
CarlosEdu

Fabiano Borges - A 1000 por Hora: Barrios, Mozart, Yamandu...

Recommended Posts

Fabiano, parabéns pelas composições, gostei muito da Gaúcho Sem Fronteira.

Já apresentou essa música para o homenageado? Qual foi a reação dele?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fabiano Borges, violão com personalidade!

Acompanho Fabiano desde a época que tocava parecido com Rabello...

Músico em ascensão!

Parabéns!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Amigos do Brazilianguitar, boa noite.

Minha intenção era abrir um post, mas o Carlos gentilmente antecipou a ideia.

Recentemente, subi inúmeros vídeos para meu canal, incluindo diversos gêneros e estéticas musicais, a exemplo da música brasileira popular, violão clássico e flamenco.

Descrevi com maiores detalhes a minha intenção com relação aos vídeos, indicando o link de cada um:

http://fabianoborgesnet.blogspot.com.br/2015/07/novos-videos-fabiano-borges.html

Em breve, responderei as mensagens acima.

Acabei de disponibilizar a minera flamenca Ventanas al Alma (Vicente Amigo):

Abraços musicais,

Edited by fabiano borges

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu vi, me referia mesmo a utiliza-lo mais vezes, mas sem ser gratuito como você disse. Eu sinto muito a necessidade dele quando o B volta para o A, acho que fica lindo.

De fato, na volta ao tema, eu gostei. Pode ser que eu venha adotá-lo em algumas ocasiões.

Abraços,

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fabiano Borges, violão com personalidade!

Acompanho Fabiano desde a época que tocava parecido com Rabello...

Músico em ascensão!

Parabéns!

Valeu, Marcos! Ainda aprecio a arte do Rabello. Eventualmente, incorporo algumas inflexões.

Abraços,

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fabiano, parabéns pelas composições, gostei muito da Gaúcho Sem Fronteira.

Já apresentou essa música para o homenageado? Qual foi a reação dele?

Obrigado, Dilson!

Quando do lançamento do Acervo Digital no Teatro Rival do RJ, eu falei com ele a respeito de forma "en passant". Ele estava passando por momentos difíceis pela cirurgia. Em seguida, eu acabei me esquecendo de reiterar por falta de tempo e meu envolvimento em diversos projetos.

Retomo a ideia agora porque esta obra estará em meu novo disco!

Mandei um e-mail há alguns dias. No próximo encontro, converso com ele.

Abraços,

Share this post


Link to post
Share on other sites

Deixo aqui o registro do meu blog para facilitar:

Caros amigos,

Recentemente, subi vários vídeos novos para meu canal do Youtube, incluindo obras de diversas estéticas e de diversos estilos musicais, dentro do universo do violão clássico e popular. Na maior parte dos vídeos, foram utilizadas as filmadoras Sony e Canon Full HD para captar o vídeo, bem como o gravador Sony PCM-D50 para captar o áudio separadamente. Agradeço pela generosidade e paciência de minha esposa no processo de gravação.

Estão incluídas algumas obras que não foram escritas originalmente para violão, mas me emocionam profundamente, dentre as quais eu citaria Mallorca (I.Albéniz), Cinema Paradiso (E.Morricone) e Marcha Turca (W.A.Mozart).

O Prelúdio da BWV 1006a (J.S.Bach) tampouco é uma obra originalmente escrita para violão. Por outro lado, é uma obra bastante tocada pelos violonistas clássicos. A Marcha Turca — terceiro movimento da Sonata n.11 de Mozart para piano — é uma peça que eu tocava ainda muito jovem. A propósito, possuo a gravação em VHS dessa música em duo de violão com o talentoso violonista cuiabano Gilson Brito, na ocasião do Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília (CIVEBRA) em 2000.

Em virtude da distonia focal que me abateu há aproximadamente 5 anos, parei de tocar várias obras musicais, algumas das quais estão contidas nesses vídeos. Isso é motivo de muita alegria e orgulho para mim, haja vista o trabalho envolvido nesse longo e árduo processo. De fato, foi necessária uma readequação técnica e, eventualmente, recorro a digitações extremamente pessoais com o intuito de promover maior fluência no fraseado musical.

Gostaria de dizer também que estou gravando um disco novo, no qual conto com a participação especial de alguns músicos não violonistas, cujo repertório abarca uma série de obras latino-americanas.

Desse modo, esses vídeos disponibilizados são uma prévia do novo disco que será lançado no segundo semestre de 2015. Embora a maioria não esteja incluída nesse novo trabalho, as obras musicais desses vídeos refletem perfeitamente a estética musical que estou buscando, tanto no papel de intérprete quanto no de compositor.

Em todos os vídeos, utilizo um belo violão de sete cordas construído pelo luthier Jorge Raphael. As músicas Cinema Paradiso, Un Día de Noviembre e Canciones del Calendário foram gravadas com o seu novo violão que recebi no fim de 2014.

A propósito, com relação ao meu canal do Youtube, gostaria de dizer que há aproximadamente 200 vídeos, sendo que alguns dos quais não possuem relação direta com o meu trabalho artístico. Nesse sentido, postei o filme Un Día de Noviembre para o qual Leo Brouwer compôs sua música de mesmo nome, o documentário Índio de Casaca sobre o Villa-Lobos (com a descrição da minutagem de cenas importantes), dentre outros vídeos interessantes.

Espero que gostem!

Saudações musicais,

PS. Segue a lista detalhada.

REPERTÓRIO CLÁSSICO

*Agustín Barrios (1885-1944) – Paraguai:

- El Último Trémolo:

- Julia Florida – Barcarola:

- La Catedral – III. Allegro Solemne:

- Estudio de Concierto n.1 (Agustín Barrios Mangoré):

* Isaac Albéniz (1860-1909) – Espanha:

- Mallorca – Barcarola:

* Fernando Sor (1778-1839) – Espanha:

- Opus 9 (Variações sobre um tema de “A Flauta Mágica”, de Mozart):

* Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791):

- Piano Sonata #11 in A major, K.331 – Rondo Alla Turca (Marcha Turca)

* J.S.Bach (1685-1750) – Alemanha:

- I. Preludio BWV 1006 – 4º Suíte de Alaúde:

* Heitor Villa-Lobos (1887-1959) – Brasil:

- Choros nº 1:

* Leo Brouwer (n.1939) Cuba:

- Un Día de Noviembre:

Obs: Na descrição do vídeo, veja o link do filme para o qual Brouwer compôs esta linda obra.

REPERTÓRIO CROSSOVER/ POPULAR

* Eduardo Martín (n.1956) – Cuba:

- Canciones del Calendario – XII Diciembre):

* Fabiano Borges em Concerto no Teatro Rosalía de Castro (La Coruña, Espanha):

- Obras brasileiras de Luiz Bonfá, Ernesto Nazareth, Egberto Gismonti e Garoto https://www.youtube.com/watch?v=ouohdesulxU

* Yamandu Costa (n.1980) – Brasil:

- Samba pro Rafa:

* Vicente Amigo (n.1967) – Espanha

- Ventanas al Alma – minera flamenca:

* Jorge Cardoso (n.1949) – Argentina

- Milonga: 24 Piezas Sudamericanas:

* Ennio Morricone (n.1928) – Itália

- Cinema Paradiso – tema de amor [obra composta em parceria com o seu filho Andrea Morricone (n.1964)]

* Fabiano Borges (n.1983) – Brasil:

- Duas Peças Brasileiras: I. Brasília – a Gabriel Estarellas

- Suíte Contrastes Latinos: II. Cancioneiro – a Maria Helena Nascimento Farias (minha mãe):

* João Pernambuco (1883-1947) – Brasil:

- Brasilerinho – Choro:

- Sonho de Magia – Valsa:

PS. As obras do Pernambuco foram interpretadas no recital realizado no SESC da 504 Sul (Brasília-DF) pela Associação Brasiliense de Violão (BRAVIO), em 6 dezembro de 2014. O recital foi em homenagem ao João Pernambuco e Agustín Barrios:

http://fabianoborgesnet.blogspot.com.br/2014/12/bravio-presta-uma-homenagem-aos.html

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fabiano, é impressão minha ou o seu lado compositor está tirando férias? Parece que o próximo trabalho nao vai ser autoral?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×