Jump to content
Sign in to follow this  
Dr.Pacheco

Como foi seu ano violonistico de 2017?

Recommended Posts

E ai pessoal, chegado o fim de 2017, como avaliam o ano de vocês em relação ao violão, estudo de peças, de técnica de aquisição de novos instrumentos e acessórios etc?

Meu ano não foi dos melhores. Embora tenha conseguido tocar um tempo razoável, não consegui aprender algumas peças que queria (Julia Florida, Duas Contas, o Prelúdio 3 do Villa, dois estudos do sor e a super pedreira do Penezzi que é o excelente arranjo de Vou Vivendo) e nem resolver alguns problemas técnicos que tenho. Como foi muito corrido, por causa do meu mestrado, não consegui voltar a fazer aulas, infelizmente.

E vocês, como avaliam seus anos violonísticos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Foi razoável... consegui desenvolver um pouco mais a técnica no 11 cordas a ponto de ter um pouco de coragem para arranjos de música clássica. Estou também fazendo o curso de violão brasileiro com o Penezzi... gostaria de ter dedicado mais, mas é a velha história: something is better than nothing rsrs.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meu ano foi razoável considerando toda a dificuldade que eu tive com tempo. Aprendi duas peças novas, uma pedreira e uma intermediária.

A pedreira é um jazz standard, Night and Day, no arranjo de Joe Pass, deu trabalho mas eu consegui finalizar.

Aprendi também a peça "Rio Acima", de Ulisses Rocha, essa sempre esteve na lista das que eu queria aprender. Muito bonita e bem bolada.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ano totalmente proveitoso; não gravei tudo que queria, mas no ano de homenagem aos 80 anos de Baden sairam:

*Introdução ao Poema dos Olhos da Amada

*Acalanto das Nonas

*Primeiro Amor (Patapio), arranjo próprio em total homenagem ao LP de Baden "Rio das Valsas/Violão em Seresta"

Villa não ficou de fora:

Preludio 3 e Modinha (Seresta 5)

Dilermando:

*Noite de Lua

E Arr. para "Edelweiss" (filme a noviça rebelde 1965).

A chegada do violão Alhambra em Jacarandá do qual namorava a anos o som pelo Rafael Aguirre... 

 

Cuidemos bem de nosso tempo, pois é dele que a vida é feita...

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 hours ago, Eugenio said:

Meu ano foi razoável considerando toda a dificuldade que eu tive com tempo. Aprendi duas peças novas, uma pedreira e uma intermediária.

A pedreira é um jazz standard, Night and Day, no arranjo de Joe Pass, deu trabalho mas eu consegui finalizar.

Aprendi também a peça "Rio Acima", de Ulisses Rocha, essa sempre esteve na lista das que eu queria aprender. Muito bonita e bem bolada.

 

Fiquei curioso? 

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 20/12/2017 at 11:11 AM, Marcosviolao said:

Opa!!!

Esse ano produzir muitos arranjos para violão solo e, essa pedreira do Penezzi eu tirei e afinei a 7 em Si.

Ouvi a maioria de primeira mão, sensacionais e precisam ir a CD em sua maioria. Chega de Saudade tem de virar video urgente. Bye bye Brasil; aquela Dança Paraguaya de Barrios e os nacionais!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Carlos, já que você ficou curioso, o arranjo de Joe Pass (obviamente eu toco mais devagar e com erros).

A composiçao de Ulisses Rocha segue logo abaixo.

 

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...